Pular para a Navegação Principal

Porque é que os Mórmons não Bebem Álcool, nem Chá Preto e nem Café?

Para além de evitarem hábitos prejudiciais, tais como beber álcool e fumar, os Mórmons acreditam na importância de se comer frutas e vegetais.

Muitas pessoas sabem que os Mórmons têm “regras” acerca do que devem ou não fazer. É verdade que os Mórmons respeitam um código de saúde chamado de A Palavra de Sabedoria. No entanto, em vez de pensar na Palavra de Sabedoria simplesmente como um conjunto de regras ou uma lista de coisas que se podem ou não fazer, os Mórmons encaram a Palavra de Sabedoria como uma revelação de Deus que nos dá o Seu conselho sobre como viver uma vida saudável.

O Profeta Joseph Smith recebeu a Palavra de Sabedoria como uma revelação de Deus em 1833. Hoje em dia, a Palavra de Sabedoria encontra-se registada num livro de escrituras chamado Doutrina e Convénios (ver D&C 89, cabeçalho da secção). Os Mórmons consideram um privilégio, assim como uma responsabilidade, a missão de seguir a Palavra de Sabedoria e são gratos pelas bênçãos de saúde e de força que advêm de viver segundo os seus conselhos.

Os Mórmons bebem álcool, chá preto ou café?

Na Palavra de Sabedoria, o Senhor ordena aos Mórmons que se abstenham de substâncias nocivas. Os Mórmons são ensinados a não beber nenhum tipo de bebidas alcoólicas (ver D&C 89:5–7). Os Mórmons são também ensinados a não beber “bebidas quentes”, referindo-se ao café e a qualquer tipo de chá que não seja chá de ervas (ver D&C 89:9), e a não fumar (ver D&C 89:8). Os profetas dos Últimos Dias também ensinaram que os Mórmons devem abster-se do consumo de drogas ilegais e do abuso de drogas legais (ver Para o Vigor da Juventude [livreto, 2011], 26).

O que é que os Mórmons podem comer e beber?

Para além das instruções relativas ao que não devemos consumir, a Palavra de Sabedoria também nos aconselha sobre as coisas que são boas para o nosso corpo. Na Palavra de Sabedoria, o Senhor declara que os frutos e os vegetais devem ser consumidos “com prudência e ação de graças.” (D&C 89:11). Ela também instrui os Mórmons que as carnes são “para uso do homem” e que devem ser “usadas moderadamente” (D&C 89:12), e que os grãos, tais como o trigo são bons para “o uso do homem” (D&C 89:16). Os Mórmons também acreditam que, para além de cuidar do nosso corpo por meio de uma alimentação saudável, também devemos cuidar de nós mesmos praticando exercício e dormindo o suficiente (ver D&C 88:124, ver também Para o Vigor da Juventude, 27).

Para os Santos que guardam a Palavra de Sabedoria e obedecem aos mandamentos, o Senhor prometeu “saúde para o umbigo e medula para os ossos”, “sabedoria e grandes tesouros de conhecimento”, e a capacidade de correr sem se cansar e… caminhar sem desfalecer” (D&C 89:18–20). Os Mórmons acreditam que obedecer à Palavra de Sabedoria é um pequeno preço a pagar por estas maravilhosas bênçãos.

Como posso aprender mais?

A Palavra de Sabedoria não pretende ser apenas uma lista de regras ou uma lista de coisas que são proibidas de comer e beber, para os Mórmons. Pelo contrário, os Mórmons acreditam que a Palavra de Sabedoria é uma dádiva. É uma revelação sagrada de um Pai Celestial que deseja que os Seus filhos sejam saudáveis e felizes. Para saber mais acerca das revelações modernas de Deus, visite o site mormon.org.